quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Galo no Divã: Vasco 1 x 1 Atlético MG

("Someone tell me why
Why chose this life?
This superficial lie
Constant compromise
Endlless sacrifice
" em homenagem ao Portina, que deixou o DT)

Sacrifício sem fim acompanhar estes shows de horrores protagonizados pelo alvinegro de Minas.
Defesa assustadora. Meio apavorante. Ataque... que ataque? Treinador Covarde.

Será que vai cair?
 Fábio Costa: Rebateu bolas demais. Pouca confiança. Gol indefensável.
Diego Macedo: Pouco acionado e pouco eficiente.
Réver: Começou a errar além da conta mas ainda foi o melhor do setor.
Lima: Não comprometeu.
(Neto Berola): Prefere parar os lances e pedir falta - onde não há - do que buscar o gol.
Werley: Melhor posicionado e até acertou alguns passes (comparando com sua média...)
Eron: Errou tudo. O que tinha e o que não tinha direito.
Jataí: Muito Irregular.
Serginho: Pode arrumar as malas e ir embora. Antes que seu bom futebol seja contaminado pelos demais.
(Ricardinho): Custou pra entrar no ritmo. Mas ajudou como de praxe. 
Fabiano: Já não ajuda muito como marcador. Como armador então...
(Mendez): Custou pra entrar no ritmo. Aliás, não entrou.
Diego Souza: Camisa 1...71?
Daniel Carvalho: Tentou jogar no primeiro tempo e não conseguiu. Insistiu no segundo e foi recompensado.

Luxemburgo: Escalação ridícula. Nas alterações tentou consertar a bobagem que insiste em fazer. O Jason me perguntou o que ele diria na coletiva. Apostei no seguinte: "Alguém passou a manteiga dos dois lados do pão"...

Mais uma vez o Jason entrou em campo e adiantou a coisa.
Pouco a acrescentar, mas vale enfatizar o quanto o time foi péssimo. A zaga até parece ter tentado cumprir aquela de não errar. Mas não há quem resista quando não existe um meio campo que ajude e que articule algo com o ataque. No bate-volta, sempre sobra pros zagueiros. Mas quem é que escalou um ime sem atacantes, com os armadores dentro da área e sem nenhuma ligação? Outra coisa. O Eron esteve muito mal. O Diego Macedo costuma ser melhor que ele, mas o lado direito quase não foi acionado e o menino lá ficou ainda mais sobrecarregado.

O 'bacana' é ver o quanto o time é previsível. Ou OS times do Galo. A cada partida são pelo menos dois. No intervalo sempre acontece algo. Mais ou menos assim. Se joga o primeiro tempo bem, pode desligar a tv, ir embora do estádio, quebrar o rádio. Porque na segunda etapa, virá horroroso. Se começa mal, recomendo o seguinte: Permaneça ligado, torça pra que voltem melhores, mas preparem-se pra um retorno ainda pior.

Desta vez voltaram melhor. Não jogaram bem. É diferente. Mas superaram a apatia da etapa inicial e tentaram produzir algo. O adversário cedeu, permitiu que fizéssemos tudo. E não fizemos quase nada. Que merece destaque, uma bola na trave do Daniel Carvalho, que merecia entrar. No final, boa jogada, falta na área e pênalti mal batido mas bem convertido pelo Ricardinho. Claro que os tradicionais sustos não deixaram de acontecer.

Até quando vamos ficar dependendo de pênalti? Uma hora alguém erra, noutra o juiz não marca.
Até quando as mesmas desculpas?... e lorotas...? *"O resultado foi bom. Os jogadores estão envolvidos com nosso processo."
("Até quando esperar,
A plebe ajoelhar
Esperando a ajuda do divino Deus
" Plebe Rude)
Até quando vai minha nostalgia?

6 comentários:

Graziele disse...

Maldito trocador, me disse que tava 2 X 0 para o Vasco.
Tinha falado pra o Gus se o Galo perdesse o Luxa tava fora.
Bem, fiquei felizona em ouvir o empate do GLORIOSO.
"...Você deve rezar pelo bem do patrão e esquecer que está desempregado... VOCÊ MERECE, VOCÊ MERECE"

Breno disse...

Pois é Gus,
Diferentemente do que acontece por essas "bandas" de cá,Portnoy saí do DT com o SONHO concretizado.

E no Galo? A diereção valtando ao velho jeito de não freiar a língua e correr risco de graves punições e criando apologias que hoje o "brasileiro" não precisa de muito para executar suas façanhas.

Pensei que na relação de desempenho você iria discorrer do desepenho de E. Luiz, como uma anedota. Não que ele seja craque, bom... é que nós é que não temos um time certo.

Um empate para fazer tudo isso que a Grazi falou...

No mais... continuo meu protesto de não escutar e nem assistir o glorioso, que tanto tenho vergonha de lhe tratar como tal.

Breve um textinho que tá na minha cabeça me cutucando a tempos.

Depois das provas...

Ampelxos,

Tom disse...

Fabio Costa tem q passar BREU na camisa para ela grudar no peito dele.

Tom disse...

"Sacrifício sem fim acompanhar estes shows de horrores protagonizados pelo alvinegro de Minas".
Prá variá, Jason é craque.
Ontem nem ouvii, nem ví a contenda e novamente deu certo.
Continuarei praticando desta forma sem aspirração à martir ,
quiça um beato.

Jason Urias disse...

Tom, não se avexe com isso. É que o Gus tem vocação. Foram mais de 5 anos de graduação tentando fazer o menino assumir seu verdadeiro papel.

Aliás, a culpa é dele, pq se ele já tivesse mudado de lado, não teríamos caído e provavelmente já teríamos vencido o Barça em dezembro!!!

Gus Martins disse...

Breno, na hora do Gol eu decretei: Éder Luis é atleticano e quer derrubar o Luxa. Mas, como na época em que ele vestia o manto sagrado, seu esforço não adiantou.

O texto será bem vindo, em tempos escuros quando nem as associações têm sido livres...