domingo, 21 de novembro de 2010

Galo no Divã: Palmeiras 0 x 2 Atlético MG

("I breathe the air
While they're running in a rat race
Way above it all
Standing on higher ground" - Alan Parsons Project)

Péssimo nível de futebol. Partida horrível de se assistir (comparando o ritmo com as partidas simultâneas, dava dó de ver o jogo do Galo).
Mas o que (agora) conta está na conta. 3 pontos na tabela e mais uma semana respirando sem a ajuda de aparelhos, permanecendo um degrau acima do martírio...

O primeiro do jogo. E viria mais 1...
Renan Ribeiro: Pode reivindicar a braçadeira, se quiser.
Rafael Cruz: Por mais que os jogadores se redimam dos pecados, sempre tem uma cruz pra carregar.
Werley: Tranquilo como tem sido, merecedor da titularidade.
Lima: Mesmo oscilando momentos de competência e lerdeza, faz valer mais uma aposta do DJ nos novos x veteranos.
Leandro: Não jogou no primeiro tempo. Participou um pouco mais no segundo.
Zé Luis: Jogou por ele, pelo Rafael, Leandro e Serginho.
Serginho: Não jogou.
Diego Souza: Mostrou disposição e sua boa técnica. Falta o timing pra prender e tocar na hora certa.
(Ricardinho): Resolveu o problema do meio-campo quando estava tudo confuso (mais uma vez).
Renan Oliveira: Muito apático e sem tempo de bola.
Obina: Participou pouco, mas foi bastante útil quando o fez.
(Daniel Carvalho): Entrou só pra movimentar as canelas.
Diego Tardelli: Saiu cedo, após sofrer tentativa de homicídio.
(Neto Berola): Só no fim do jogou viu, na prática, que é sempre melhor investir na jogada do que cair no chão.

Dorival Júnior: A sua tranquilidade no banco talvez indique a confiança que tem nos jogadores, que mesmo não jogando bem, acabaram fazendo o que era preciso. Mas nem sempre será assim.

Treinar é fundamental. Todo mundo está careca de saber disto, menos o ex-treinador. E por muito tempo, o Galo pagou o pato por isto. Hoje é evidente que existe organização e postura tática. Mas, aquecimento também é fundamental. Não sei o que acontece que cada início de tempo é um sofrimento. Hoje, mais uma vez, demoramos mais de 20 minutos para perceber que os leitoezinhos não tinham corpo pra cantar de galo. Apesar da correria, disposição, empolgação e até alguma técnica, os meninos ainda estão "verdes" (hehe). Vacilaram muito na defesa, com faltas e cartões bobos, o que facilitou a vida do nosso ataque. Ainda assim, as melhores chances começaram com eles, parando na trave ou na muralha Ribeiro. Quando o Galo acordou, tomou conta do jogo, fez o dele, arrancou uma expulsão e administrou até o final. Sem jogar bem.

A segunda etapa foi quase idênitica. Mas, pelas circunstâncias, talvez ainda mais desesperadora. O time de lá saiu do primeiro tempo morto e com um a menos. O Galo tinha tudo para matar a partida a hora que quisesse, mas quem entrou a fim de marcar foi o expressinho alviverde. Não conseguiram por um misto de azar, imaturidade e incompetência. No meio do caminho, o Galo melhorou e começou a criar chances. Mas, foi aproximando do final do jogo que, num "golpe de sorte", finalmente aumentamos/fechamos o placar. Entre aspas porque a jogada começou com a apurada técnica e precisão do passe peculiares do Ricardinho, a frieza do Obina que fez dentro da área algo até um pouco além do que costuma, tecnicamente falando, e culminou com o arremate certeiro do Berola, que na finalização mais difícil - ângulo ruim e desequilibrado - finalmente deixou sua marca.

Mais um passo do Dorival, Renan Ribeiro e o resto da turma para chegar ao que venho sendo descrente há vários meses. Pelo menos uma vitória ainda é necessária. Então, nada de Oba oba. E nada de repetir esta atuação pífia contra os adversários seguintes.

7 comentários:

Daniel Martins disse...

Não assisti o jogo, achei que seria as 19hrs..
pelo menos deu sorte e acertei o pitaco :D

Gus Martins disse...

Daniel tá num tal de Dinorah que vo te contá viu! Rsrs!

Vamo ve agora se os jogos das 19.30 vao completar o trabalho e nos ajudar..!

Tom disse...

Falei q os caras estavam apáticos....mas deu pro gasto , conta do chá.

Daniel Martins disse...

Sprint final sabe.. pena que deve ser tarde demais pra taça D:

Jason Urias disse...

Até pq, agora que os esmeraldinos estão 'caídos', o peso do jogo não vai influenciar tanto e isso pode ser um problemão pra nós.

Por isso concordo totalmente. Atenção total no próximo jogo ainda será pouco pq nesse ano nós já vimos que tudo pode acontecer.

Se o Ribeiro não joga com a braçadeira de pano, a moral já é dele há um tempão.

Dois disse...

Se o Galo manter o pique já ta até na Sula, para ano que vem ser-mos campeões! Levando em conta confrontos o Galo ta mais tranquilo que os outros, só não pode achar que já ganhou!

-- http://noticiagalo.blogspot.com

Gus Martins disse...

Pois é, acho que ontem o time tava em clima de já ganhou e por pouco não se estrepa.

E tem gente lá falando que um ponto basta pra não cair. Vá pensar em empate nos inferno. Parece ter jogador que ainda não percebeu a enorme dívida que estão com o clube e a torcida e que, ganhar as duas partidas pra garantir a Sula '11 é o MÍNIMO que tem que fazer agora.