quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Selegalo

Belo Horizonte (Noite...) - O Tom, num comentário no post abaixo, colocou o link para uma votação dos melhores jogadores do Galo da década passada. E reclama das opções. Concordo, Tom, que não houve muito o que escolher como 'melhor' e que tem nome ali que pelamordedeus... Eu por exemplo, formaria o miolo de zaga com o Galván - que saiu do Galo em 2000 para jogar no Santos - ao lado do Réver.

Como o FEF incentiva a livre associação, pensei em sugerir que cada um 'palpite' aí a sua seleção da década. Pra quem, como eu, é ruim de memória, não se acanhem em usar a lista do site como referência. Já aqueles cuja memória é mais generosa (né, Herberth, Eliana, Tom!), usem este dom que Deus lhes deu e tasquem aí na caixa de comentários os selecionáveis para a Selegalo da década '10. 

E que Deus nos ajude.

Ah, a minha:

Velloso
Mancini
Galván
Réver
Ronildo (E tome pedrada!!!)
Gilberto Silva 
Zé Luíz
Valdo
Ramon Menezes
Marques 
Guilherme

3 comentários:

Tom disse...

Minha seleção é assim:
Uma defesa sóbria, um meio campo pegador e um ataque da fuzarca (huahu). E no 4-2 4.
Diego Alvez
Mancini
Galván
Réver
Felipe ( apesar de apenas 7 jogos)

Gilberto Silva ( A Muralha Invisível)
Belleti ( A porrada visível)

Tardelli
Marcinho
Guilherme
Marques , ou seja 3 fuzarqueiros do Bafo da Onça e um Budista que é para abolver os pecados.

Tom disse...

* Absolver

Breno disse...

Técnico: Levir Culpi (Ao menos sabíamos que iríamos brigar por títulos)

Diego Alves: Sua saída nos deixou atorduados

Réver: Chegou e mostrou como é ser zagueiro

Cáceres: Mostrou como é bom não ter banco para tomar seu lugar. Falta de opção esse.

Lateral Esquerdo: Não voto em nenhum das opções e como não tenho memória de paquiderme vai ficar branco.

Mancini: Fiquei em dúvida com Cicinho, mas esse ma agradou mais quando por aqui correu.

G. Silva: Acho que é unanimidade

Serginho: Falta um pouco de auto confiança.

Valdo: É o que deu para votar.

Marcinho: É o que deu para votar [2].

Marques: Sempre previsível, mas poucas vezes alcançado.

D. Tardelli: Farra aqui se transforma em raça. Evolução!