quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Galo Sem Divã: Atlético MG 1 x 1 Flamengo

Estou puto, com sono e tenho que dormir pra fazer daqui a 7 horas o que os jogadores do galo não fazem.
"Isso aqui é trabalho, ô meu!"

Amanhã trabalharei igual o cão e, sem a mínima disposição, não farei a resenha comum.
Portanto, fica aí o telhado de vidro para que todos apedrejem.


7 comentários:

Tom disse...

Sonhei que o Cuca é o filho da Cuca.

Breno disse...

Bernard pediu pra sai alegando cansaço. Imagina o que ocorre com os véio! Já larguei de mão.

elianA disse...

E o próximo jogo é fora, contra um carrasco juramentado.

Tom disse...

Ja q não temos time, presidente nem nada o jeito é apelar para a Macumbaria.
O Galo tem q voltar para seu lado afro-mineiro e tirar "os tambor", os marafo, a charutada , as planta e a cantoria do quarto de despejo.

Tom disse...

As tias q curava os joelho mole, as espinhela caída, os "esprito" fraco, as perna bamba e alegravam as "entidade".Êpa Hei missifi.

valdirene disse...

Estou tentando trabalhar, num mau humor danado, só sonhando com aquele 1x0.Não tem jeito essa cachaça mineira está no sangue mesmo, sofrimento.sofrimento e para variar : sofrimento.

Cassia disse...

e eu ainda tenho que aguentar vascainos, botafoguenses, tricolores..todos me zuando porque não temos conta do menguim.... sem falar os flamenguistas que antes do jogo ja diziam que empate era excelente resultado (pra eles...)