sábado, 14 de agosto de 2010

Galo no Divã: Atlético MG 3 x 1 Guarani

("It's not your fault
It's just the way we're wired
" Marillion
)

Se tem alguma urucubaca, bruxa, macumba, o diabo a 4, devo confessar. Está enterrado no quintal da minha casa. Por hora é só.
Fábio Costa: Pouco exigido, mas parecia ligado.
Rafael Cruz: Muito tímido no primeiro tempo e foi se soltando na outra etapa.
Cáceres: Ah, menino, quanto tempo ainda vai demorar pra ser aquele?
Lima: Começou meio atrapalhado mais foi melhorando. E com dois jogos já passa mais segurança do que o paraguaio.
Werley: Tranquilo no jogo, mas assim como os outros dois, péssimo na saída de bola.
Serginho: Um tanto quanto sumido no jogo. Também, novamente deslocado para direita, onde não é a sua.
(Fabiano): Não vi. Vocês saberão porque.
João Pedro:Nem de longe foi sua melhor participação. Foi pro gasto. E como pro gasto não basta...
(Rafael Jataí): Entrou com consistência, ajudando minimizar a falta do Zé. Mas também vi pouco.
Ricardinho: Quando começar a arriscar (e acertar) mais chutes a gol, voltará a ser o que queremos dele. De resto, tá encaixando!
Diego Souza: Ainda muito lento. Em um lance aqui, outro acolá, mostra que sabe o que fazer com a bola. Mas não tá fazendo.
Neto Berola: Era o melhor do ataque até sair.
(Obina): Mostrou o que é posicionamento dentro da área para um centro avante.
Diego Tardelli: Não vinha lá muito bem. Mas aí mostrou que pelo menos não esqueceu o que ano passado fez demais!


Luxemburgo: Ainda discordo da escalação e da saída do Berola. Felizmente (mais uma vez pra ele) deu certo. Mas está pagando caro o preço de ter 'abandonado' Jonílson e Carlos Alberto. 3 zagueiros não bastam para fazer o que volantes fazem.

Primeiro tempo de sempre: Galo pouco criativo, sem saída de bola. Quando o Fábio Costa dá chutão, a bola volta. Quando toca pro zagueiro, ele erra o passe e gera contra ataque. E foi assim que surgiram as oportunidades do Guarani. Roubadas de bola no meio, zaga mal posicionada e chute para (fora do) gol. Ainda bem. Do lado alvinegro, toques de bola pra lá e pra cá, não como a boa Espanha, que procura a melhor forma pra chegar o gol, mas como um time que não sabe o que fazer com a pelota. Ainda assim tivemos chances e uma bola na trave do Diego Souza foi o que nos aproximou mais do gol.

Segundo tempo veio com mudança. O Jataí, quem sabe, vai preencher o vazio deixado pela ausência de um segundo volante. Aí o Obina foi pro aquecimento. Previsível e desejável. Mas, ainda que eu quisesse a saída de um zagueiro ou do Diego Souza (e se fosse um atacante, o Tardelli), o temor era que tirasse o Berola. E de cara este aí vai pra linha de fundo em bela jogada e põe a bola nos pés do Tardelli que só não marca pela precisa defesa do goleiro. Mas meu temor não diminuiu. E prometi. Se saísse o Berola, não veria o resto do jogo. Como promessa é dívida, a partida acabou pra mim aos 15'. 

Fui pra cozinha, mexer com canjiquinha e costelinha, destilando todo meu ódio para o fexô. O pior é que na saída do Berola, várias vaias e gritos de 'burro' foram ecoadas pelo estádio e, em  vez de me sentir consolado com isto, temi ainda mais. Não foram poucas as vezes que isto aconteceu com o Luxa na grande passagem pelo Palmeiras dos anos 90. E, invariavelmente, quando isto ocorria, a coisa dava certo, o time desandava e surpreendia. Pois bem. Já me preparando para o pior (melhor), pensei numa desculpa. Se der certo, o mérito é dos jogadores. Não do Luxa.

No final das contas, só tenho que assumir a culpa. O pé frio sou eu. É só sair de frente da TV, que a coisa vai. (isto me faz lembrar a época da facul, quando prometi várias vezes ao Herberth e ao Jason que viraria cruzeirense, assim, o Galo ganharia tudo enquanto as marias, nada. E de quebra, ganharia uma estátua minha na frente da sede de lourdes como maior mártir atleticano. Esta promessa ainda não tive coragem de cumprir). O time faz 3 e só vejo o replay (após ouvir os gritos de gol da minha sobrinha , me resta subir correndo pra ver o que perdi - ou permiti). Como de praxe, não uma falha não podia deixar de acontecer na zaga. E o outro zero do placar foi retirado. No mais, prometo amanhã desenterrar a cabeça de bode que está em algum canto por ali. Enquanto isto, vocês que viram a melhor parte do jogo, digam como foi que tudo aconteceu.

Xô ir pro quintal...

18 comentários:

Daniel Martins disse...

'assisti' pelo rádio apenas...
mas pelos vídeos o tardelli parecia estar impedido nos gols... independente disso
A pão está caindo a manteiga virada pra cima agora... pq se o bugre converte as diversas tentativas no primeiro tempo, a casa caia.
Por mais que seja um 3 x 1, com bons lances de gols, uma boa quantidade de chutes, ainda acho que vencemos, mas não convencemos, estemos longe disso.

Daniel Martins disse...

estamos*

Afonso Pena¹³ disse...

Uma EXCELENTE vitória, pra quem ja estava se acostumando a perder...

Que essa rotina de desgostos tenha chegado ao fim (assim esperamos).

e a vitória foi mais importante ainda nos termos de tabela, pq a sequência agora é CHUMBO GROSSO.

vamos aos encargos,

Fábio Costa: Apesar de ser apenas mais um ''razoável'' pela experiência e pela liderança, passa
uma tranquilidade maior a zaga.

Rafael Cruz: Participação positiva, foi eficiente.

Cáceres: ainda não foi ''aquele'', mas vejo um franco desenvolvimento a começar...

Lima: Razoável, assim como o companheiro Guarani, ainda não é ''aquele'' de outrora...mas ja ta começando a pegar o embalo idem.

Werley: marcou bem e cobriu bem alguns lances, de resto, a mesma lorotinha de sempre.

Serginho: apesar da mudança tática, acho que jogou bem, suas investidas rápidas são sempre um tempero a mais no jogo, mas ainda falta a OBJETIVIDADE do timoneiro.

(Fabiano): Pífio.

João Pedro: Razoável.

(Rafael Jataí): Gostei, apoiou bem e distribuiu jogo, foi o ''elo perdido'' que o luxemburgo insiste em não manter, parece que ele ainda não entendeu, que futebol sem volante não existe mais.

Ricardinho: Achei muito tímido, dava pra se soltar mais e assumir o papel de meia armador, visto que a ligação quando depende do Diego souza, não anda.

Diego Souza: LERDO, eu venho comentando que é o RONALDÃO do Galo, a bunda dele ta maior que a do Obina.

Neto Berola: Excelente partida, um Muriqui melhorado...


(Obina): completamente fora de forma, e de ritmo, mas tal qual DADÁ...''me preocupei tanto em fazer GOLS, que me esqueci de jogar futebol''....sui generis.

Diego Tardelli: Gênio, até quando não joga bem...



Luxemburgo: Ontem em uma 'roda feliz' me disseram que o discurso dele nos bastidores com os atletas é o seguinte..

''ahhh, eu fui campeão no Bragantino fazendo isso'' ''ahhh eu ganhei o Brasileiro com o corinthians assim,'' ''ahhhh eu ganhei tudo em 2003 fazendo isso!''.

Parece que o luxa ta sofrendo de uma VAIDADE pessoal terrível, com direito a delírios do passado.

Dessa forma, ele vai ser TAXADO, e com toda razão, de técnico ultrapassado (assim como o Leão)...é preciso se ATUALIZAR MO VEI! ele poderia começar essa empreitada, ingerindo a idéia de que não existe mais futebol sem VOLANTES hoje...PARA DE BIRRA BESTIAL!


Galo, até e depois do além.

Fredy7L disse...

não vou fazer um comentário tático, visto que o time não convenceu... mas convenhamos, as reações começam assim, através de vitórias. O time começou até no final a tentar coisas diferentes que passaram a dar mais certo. O time estava precisando de um pouco mais de confiança, e agora precisa nos convencer jogando contra o santos na vila. Vamo ver no que vai dar. Agora a manteiga tá caindo pra cima ( gol da vitoria aos 47 do segundo tempo, depois 2 gols impedidos quanod na maioria das vezes somos roubados_. Tô começando a me lembrar da série B depois daquele milagre contra a Portuguesa onde deslanchamos na competição e cumprimos a obrigação.

Breno disse...

Ainda na minha ação de não ver e escutar o jogo do Galo pra não passar raiva, não tem como comentar nada do jogo.
Apenas um detalhe que me ocorrera:

Estava acompando pela Globo.com, quando resolvi ir tomar banho. Engraçado q ao terminar de me banhar o placar estava 2a0. rs
Tive a sensação de peso igual ao Gus, mas o peso maior tá é lá mesmo, e ainda não me dei por convencido.

Ainda faltam 4 vitórias no Brasileirão para eu voltar a companhar esse time.

Inté

elianA disse...

É, tem gente aí que, em vez de levar um cooler pra assistir aos jogos do Galo, tem que levar é um balde de água quente pra escaldar os pés.

Tom disse...

Não ví, não ouví, só senti muita raiva do fdp q perdeu a bola no meio campo e permitiu o gol que me tirou os três pontos dos pitacos e mais um adorno para a minha galeria de trouféix.
E como havia vaticinado posts atrás, AGORA VAI,de novo e novamente...hehe.

Tom disse...

Saudando a volta triunfante e alucinante do bom e velho Afo.
Falta o Herberth ainda.

Breno disse...

Realmente Tom... Acho que eles só não desistiram de acompanhar ao Galo como tudo aquilo que o remete!

Tom disse...

Ia me esquecendo da mais nova perola Gustaviana; Martir Atleticano.
A lógica desenvolvida e o andar da carruagem até a porta da sede são indescritíveis , senão pela voz do protagonista.
Digo e repito, Gus é craque.

Gus Martins disse...

Assombração, macumba, urucubaca, pão com manteiga pra baixo, etc... tudo indo embora.
Enquanto isso os vivos voltam a aparecer! o Avenida andou sumido heim!

Pois é... esta falta premeditada de volantes tá destruindo o galo. E não adianta ter 4 (ou 5, se incluirmos o Werley) bons zagueiros se não tem alguém pra segurar o meio campo...

Marcelo Vargas disse...

Aproveitando o mote das eleições:

Gus Martins para cruzeirense!
Para cruzeirense, vote 24! (número de cruzeirense, claro)

Jason Urias disse...

Pois é, Gus.

Venho cantando esta pedra sobre os volantes há um tempão. Qdo o setor desandou, a zaga começou a desabar, tb.

Lembro q qdo. o Celso chegou ao Galo, muitos atleticanos ironizaram dizendo q seríamos um time de volantes. Mas foi exatamente com eles que o time tinha seu maior trunfo.

Tem jeito não. O Fexô tem que dar um jeito de arrumar aquele pedaço ali. Aí, com as coisas em ordem o resto fica fácil, pq o povo lá da frente sabe jogar bola.

Welcome Back, Avenida!

Borusso disse...

Saúdo tb o Afo, o Marcelo que andava ½ sumido, e qtº ao Beth...caramba!

Tô desde Junho querendo comentar c/ ele que acompanhei os play-offs e fqei encantado c/ a dedicação do Ray Allen, da técnica do Rondo, gostei mto do jogo tb do Kevin Garnett, mesmo o Rasheed Wallace que fizera a cesta em fases anteriores se superou à beça nas Finais.

Não creio em superstições, mas p/ qm crê, às vzes consigo ser mais pé-frio que o Gus.

Borusso disse...

Assino embaixo do que vocês disseram.

Penso inclusive que o volante de contenção é a posição mais importante numa eqp de futbol.
Isso aprendi c/ o magistral Eduardo Bueno.

Breno disse...

Pois é... Não é atoa que a posição é designada Volante... Aquele que direciona, guia...

Amplexos,

Enock Ferreira disse...

Muito bom seus comentários camarada. Agora que sou seguidor do twiter do urias, meu cunhado, irei ler com mais frequência os comentários dos jogos. Apartir daqui é apenas uma dica - se puder retire essa parte e aceite só o comentário acima. Na sexta linha, de baixo pra cima, edite o texto retirando o primeiro "não": - Como de praxe, "não" uma falha não podia deixar de acontecer na zaga.
enockferreira@hotmail.com

Gus Martins disse...

Valeu Enock! Famoso "Erro de digitamento" hehe!
Escrever e não reler dá nisso...