quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Duros, Pão Duros e Afins

Nunca gostei dos materiais esportivos da Topper. Acho feio o design e, no caso das camisas, o tecido nem se compara, por exemplo, com os da Adidas.
Mas a camisa rosa, até quis comprar. Tava caro, não rolou. Caiu de preço, acabou meu número.

De qualquer maneira, a Loja do Galo está em promoção. Ótimo para aqueles que, duros ou pão duros como eu, esperam o início da temporada, mudança do uniforme e promoções mil para comprar os artigos alvinegros.

Assim sendo, corram e dêem uma passada no site. Como eu disse, já perdi a camisa rosa (que tá muito em conta). Da última vez que fui na loja física, os preços não estavam de acordo com os do site, estes, sempre mais baixos. Então, se o escorpião não estiver brabo, é só por a mão no bolso.

6 comentários:

Breno disse...

É... já passou da hora do setor de marketing fechar com fabricantes de grande relevância.

Somos grandes e temos que ser em todas as esferas.

Por isso que não compro nada (pra não falar que não tenho dinheiro...rs)

Flipe disse...

Vou comprar graças ao cartãozin de lei pelo Galo mesmo, porque essa blusa é muito feia, mas a 2 é bacana!

-- http://noticiagalo.blogspot.com

Tom disse...

Camisas bonitas haviam qdo ainda não existiam marketing e designers.

Daniel Martins disse...

Pura verdade Tom.
E essa da topper até olhando o modelo usado no manequim dá de perceber a baixa qualidade...
Mas mesmo assim, vou ver se compro ao menos uma xD

Gus Martins disse...

Pois é.. também concordo com o Tom. Aliás, desde aquela do Centenário, não vejo mais vendendo camisas sem patrocínio (eu que não vejo ou não tem mesmo?).
O patrocínador, em geral, já dá uma enfeiada na camisa. Esse BMG amarelão gigante então, nem se fala. Numa camisa da Topper... pqp! Só salvam as cores e o escudo. Mas pra isso eu tenho a de 2005, a mais linda e limpinha de marketing... (apesar de ser daquele ano maldito)

Afonso Pena¹³ disse...

Todo mundo coberto pela Toga da razão...

''O patrocínador, em geral, já dá uma enfeiada na camisa.''

Ressaltando a do Gus...

Pois é, mas como não se pode fugir mais dos patrocinadores e de suas Logos breguíssimas, a saída é saber se adaptar a isso, criando algo que compense e talvez sobrepuje essa ''feirua'' toda.

Adidas é mestre nisso, e parece que a Topper ainda não aprendeu.

Pode colocar 12313212 logomarcas na camisa, se o fornecedor souber adaptar todos na extensão da camisa, fica um trem binito...se não, fica isso ai que tão vendendo (e CARO) na loja do Galo.